Neste fim de semana, dias 18 e 19 de julho, o Município de Gondomar terá uma equipa do Exército Português a fazer vigilância. Pelo concelho irá estar espalhado cinco câmaras que prestam uma cobertura de 90% da área florestal, com a possibilidade de uma atualização minuto a minuto, permitindo auxiliar na prevenção e rápida deteção de fogos florestais.

É possível ainda observar a área florestal de concelhos vizinhos: Penafiel, Valongo, Paredes e Castelo de Paiva. Este trabalho ocorre em simultâneo com o papel que os dois veículos de patrulha da Proteção Civil têm no terreno.

O patrulhamento é outra das áreas decisivas para o sucesso da redução das ignições, através da presença constante no terrenos das viaturas da proteção civil, da polícia municipal, do núcleo de fiscalização e também das forças de segurança e das unidades locais de proteção civil. Essa vigilância é decisiva não só para a deteção imediata dos focos de incêndio como para a dissuasão de comportamentos abusivos no espaço florestal.

Em função do Estado de Alerta vermelho para o perigo de incêndios rurais, reuniu-se hoje de urgência, pelas 12 horas, a Comissão Municipal de Proteção Civil.

 

Últimas Notícias

As marcas do 25 de Abril e a importância dos 50 anos do fim da ditadura e da conquista da liberdade

22/04/2024

Rancho Regional de Fânzeres celebra 45 anos

22/04/2024

Entrevista a Pinto da Costa

19/04/2024

Entrevista a Nuno Lobo

19/04/2024

Entrevista a André Villas-Boas

19/04/2024

39ª EDIÇÃO DO FETAV COMEÇA A 6 DE ABRIL

2/04/2024

Universidade Sénior de Gondomar já é maior de idade

27/03/2024

CMOS COMEMORA PRIMEIRO ANO E BATE RECORDE NO TEMPO DE DESPACHO DE MEIOS

26/03/2024